09/11/2021 às 17h38min - Atualizada em 09/11/2021 às 17h38min

Tango, um dos ícones de Buenos Aires

Crônicas de viagem do livro "Lurdinha Camillo - Pelo Mundo"
FOTOS: Brand-News
,
“Tango. Sabes qué quiére decir?
Humm, una danza mui sensual, no es asi?
Es una danza, claro. Pero, tambien es muchas otras cosa, además de una danza.”
 
  A renovada popularidade internacional do tango voltou a colocar em pistas de danças, pares enlaçados, em uma conexão íntima.
  Será esta a causa de seu sucesso e permanente crescimento?
  Verdade que cada turista que aporta pela primeira vez em Buenos Aires espera encontrar em cada esquina, em cada café, um homem e uma mulher movendo-se abraçados ao ritmo de uma música melancólica.
  De fato o tango é uma das expressões musicais mais fortes da Argentina, tanto é que em 2009 foi declarado Patrimônio Cultural pela Unesco.
  De domingo a domingo, é possível encontrar em toda a cidade uma milonga, nome dado a um salão onde se dança o tango.
  Bailarinos veteranos sobem ao palco junto de novatos, democraticamente.
  Uma recuperação de maravilhosos estilos e formas renovadas, coreografias complexas, porém não menos legítimas, estão em mãos de gerações mais jovens.

  Figurinos, geralmente negros, impõem dramaticidade à dança e longas aberturas das saias exibem belas pernas, decotes profundos e pesadas joias combinam sem erro com os ternos riscas de giz, coletes e os inseparáveis chapéus.
  O verdadeiro estilo de viver de um milongueiro.
  Entre os salões mais visitados, o Señor Tango, Tango Madero e Tango Porteño têm vida prolongada.
 
  Tudo volta em nossos celulares, nos melhores points para as dicas aos amigos.
  Tangos imortalizados, parques bem cuidados, a cultura e luxo da livraria O Ateneu, Galerias Pacífico, a Casa Rosada, os bairros de Palermo e Puerto Madero.
  Melhor ainda, viajar com as filhas Kátia e Cláudia.
  Presente de aniversário.
  Vamos combinar, presentaço.
 
                                                                                                          Fevereiro/Março 2019
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp