01/08/2022 às 15h00min - Atualizada em 01/08/2022 às 15h00min

Projeto Composição Ferroviária chega a Pouso Alegre

FONTE: Mecenaria Brasil - FOTOS: Reprodução Google

Grupo Tarancón e Imbuia se apresentarão no domingo, 14 de agosto, às 10h
 
Depois de 45 edições em Poços de Caldas, Itaúna e São Lourenço, o Composição Ferroviária desembarca em Pouso Alegre (MG) no dia 14 de agosto, levando as apresentações do Grupo Tarancón e Imbuia - fortes representantes da música latino-americana. As apresentações acontecerão na Praça João Pinheiro, um espaço histórico e importante da cidade.
 
O projeto tem 9 anos de sucesso e um elenco com grandes artistas, como Kleiton e Kledir, Leila Pinheiro, Leny Andrade, Claudio Nucci, Wagner Tiso, Tunai, Ceumar, Mônica Salmaso, Renato Braz, entre tantos representantes da vanguarda e da tradição da Música Brasileira. Seu objetivo é a preservação de patrimônios culturais, como as estações ferroviárias e a música brasileira e mineira (que tanto “trem” carrega consigo).
 
Tarancón é um grupo que une e mistura a música brasileira com a latino-americana, dos Andes ao Caribe, e ainda com influências africanas, inventando assim sua própria sonoridade. Com 44 anos de estrada e mais de 5 mil apresentações, é considerado um precursor da música latino-americana no Brasil. O show Tarancón Histórico é um encontro dos fundadores originais do Grupo - Emilio Nieto e Jica Thomé - e novos músicos que se uniram a eles no meio da história. Uma celebração com os mais significativos temas das mais de quatro décadas de existência do Tarancón: Boquita de Cereza, Tinku, Gracias A La Vida e Te Recuerdo Amanda são alguns dos clássicos do repertório em uma apresentação interativa cheia de histórias, poesia, textos e o característico bom humor dos meninos.
 
O Grupo Imbuia faz parte da história da região. Nos anos 80, Pouso Alegre tinha o frescor de uma cidade em grande desenvolvimento, preservando o lirismo do interior. Esse ambiente foi o palco de um grande movimento musical - o Grupo Imbuia. Seus shows eram lotados, demandavam três dias de apresentações. Vários grupos musicais nasceram a partir do exemplo desses artistas e do grupo, que agregava força, criatividade e amigos, viajando pelo Estado, movimentando uma rede que retratou a identidade musical da região, com inovação, estilo e enorme potencial artístico. Passados quase 30 anos de seu auge, o Imbuia segue habitando o imaginário de uma geração, fazendo história com Raimundo Andrade, Marcos Mesquita e Maurício Brandão, com o convidado especial Pedro Vital Arreguy.
 
O projeto Composição Ferroviária é viabilizado pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais e tem o patrocínio do Hipermercado Baronesa e DME Distribuição (Poços de Caldas). Tem ainda o apoio da Superintendência de Cultura de Pouso Alegre, Hotel Ferraz e Cafofo da Inez.


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »