23/03/2022 às 15h56min - Atualizada em 23/03/2022 às 15h56min

Últimos dias para visitar: Da Letra à Palavra encerra temporada no Museu Judaico de São Paulo

FONTE: a4&holofote comunicação - FOTO: Fernando Siqueira
c 
A mostra apresenta obras de 32 artistas plásticos contemporâneos com pesquisas poéticas que relacionam a arte e a palavra, investigando os vínculos entre imagem e texto, elementos fortes na cultura judaica
 
Museu Judaico de São Paulo (MUJ), espaço que foi inaugurado após 20 anos de planejamento, é fruto de uma mobilização da sociedade civil. Além de quatro andares expositivos, os visitantes também terão acesso a uma biblioteca com mais de mil livros para consulta e a um café que serve comidas judaicas.

Da Letra à Palavra é uma das mostras temporárias do museu, em cartaz até o dia 03 de abril. A exposição explora a relação entre a arte e a escrita, a imagem e a palavra, a partir da reunião de 32 artistas basilares da arte contemporânea brasileira. A mostra investiga as relações entre a escrita e as artes plásticas na arte contemporânea, os vínculos entre imagem e texto, a escrita como desenho e a presença de palavras nas pinturas. A exposição tem curadoria de dois artistas plásticos - Lena Bergstein e Sergio Fingermann - e reúne 32 artistas contemporâneos, propondo uma grande diversidade poética e indagações estéticas e teóricas que fomentam a livre reflexão.
 
A pluralidade de enfoques da questão central da exposição reúne obras muito diferentes entre si, com pactos poéticos distintos. Há obras de Artur Bispo do Rosário, Beatriz Milhazes, Carmela Gross, Anna Maria Maiolino, Anna Bella Geiger, Arnaldo Antunes, Arthur Lescher, Carlos Vergara, Denilson Baniwa, Shirley Paes Leme e Paulo Pasta, entre outros.
 
Esta exposição, embora mantenha fortes vínculos históricos, tem caráter principalmente artístico, inserindo o MUJ em um importante circuito de arte contemporânea brasileira em São Paulo.
O MUJ conta com patrocínio da Fundação Arymax, Antonietta e Leon Feffer, Sergio Zimerman, Banco Itaú, Banco Safra, Instituto Cultural Vale, Lilian e Luis Stuhlberger | Verde Asset Management e Hapvida, entre outros apoiadores essenciais para a realização.
 
 
SERVIÇO:
Museu Judaico de São Paulo (MUJ)
Em cartaz até o dia 03 de abril
Local: Rua Martinho Prado, 128 - São Paulo, SP
Funcionamento: Terça a domingo, das 10h às 18h
Contribuição sugerida R$ 20
Classificação indicativa: Livre

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp