04/03/2022 às 17h11min - Atualizada em 04/03/2022 às 17h11min

Peanuts completa 50 anos de educação em Poços

FONTE: Adriano Mussolin - FOTOS: Divulgação
C 
A história do ensino de inglês em Poços passa obrigatoriamente pela iniciativa pioneira de Iole Vitti e Marisa Figueiredo. Ao criar o Peanuts English School, em março de 1972, elas não tinham ideia do bem que estavam começando a proporcionar para os jovens de nossa cidade.

A chegada da Alcoa a Poços criou uma demanda que até então não existia, a necessidade de seus funcionários aprenderem a língua inglesa, que veio a se tornar o idioma universal. Por outro lado, era necessário também ensinar português aos funcionários, em sua maioria, norte-americanos que por aqui chegavam.


Nascia essa escola que chega neste mês de março aos 50 anos e que marcou tão profundamente a vida de milhares de pessoas em nossa cidade. Iole, que passou a gerenciar sozinha a escola, a partir de 1977, com sua visão muito à frente do seu tempo, implantou a convivência de adultos e crianças em suas festas, peças de teatro, viagens, reuniões, excursões e uma infinidade de outras atividades, sempre com o ensino do idioma como principal objetivo.

O Peanuts foi a primeira escola a organizar viagens de intercâmbio estudantil para seus alunos, que com o passar do tempo, deixaram de ser apenas adultos e passaram a ser jovens. Inúmeros deles puderam aperfeiçoar seus estudos em escolas dos Estados Unidos, Inglaterra, Canadá e outros países, o que deu base para um sem número de profissionais bem sucedidos em diversas áreas, que hoje trabalham por todo o país e mesmo no exterior. Seu pioneirismo trouxe para Poços e região as primeiras festas de Halloween, tão comuns nos EUA e muito difundidas em todo o Brasil, atualmente. E muito mais, como as saudosas excursões para o acampamento Paiol Grande, que desperta gostosas lembranças em quem chegou a participar.

Em seus inúmeros cursos de aperfeiçoamento e aprofundamento no exterior, Iole aproveitava e trazia para sua escola o que havia de mais moderno e inovador, tanto em material didático como em tecnologia. Seus métodos de ensino, sempre priorizaram a vivência do aluno com a natureza, as artes, a socialização, a criatividade.
 
Não são poucos os casos de famílias onde as crianças, os pais e os avós estudaram com a equipe da Iole. Seus professores são e foram sempre bem treinados e gabaritados para passarem conhecimento aos seus alunos de uma forma que vai além do simples estudo, do mero ensino de uma língua. Com toda essa gama de informação, a ideia é criar pessoas melhores, mais sintonizadas com seu tempo, conectadas com a sociedade e o meio-ambiente e preparadas para construir um mundo melhor.
 

 

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp