05/01/2021 às 15h29min - Atualizada em 05/01/2021 às 15h29min

Receita Federal e Unis firmam parceria para implantação do 1º NAF COMEX no sul de Minas

FONTE: Assessoria de Comunicação da Delegacia da Receita Federal do Brasil em Varginha
A Receita Federal em Varginha e o Grupo Educacional Unis firmaram no dia 18 de dezembro a ampliação do Acordo de Cooperação do NAF, assinado em 18/10/2017, para atuação a partir de 2021 também no comércio exterior. O objetivo do NAF/COMEX é contribuir para que o microempreendedor individual (MEI) e o cidadão hipossuficiente possam exportar seus produtos e auxiliar também na importação, além de outras demandas relacionadas ao comércio exterior. A previsão é que o NAF/COMEX seja implantado no UNIS no primeiro semestre de 2021.
Participaram da reunião o delegado da Receita Federal em Varginha, auditor-fiscal Michel Lopes Teodoro; o delegado adjunto da Receita Federal em Varginha, auditor-fiscal Eduardo Antônio Costa; e o auditor-fiscal Henrique Viegas Cunha. Como representantes do Unis, Ricardo Morais Pereira, pró-reitor Acadêmico no Grupo Educacional Unis; Dimas Almeida dos Reis, coordenador do NAF e do Curso de Ciências Contábeis; Gustavo Flausino de Oliveira, Coordenador do Curso de Administração com ênfase em Comércio Exterior; Rodrigo Faria, Coordenador do Núcleo Varginha; e Luana Peixoto, secretária-geral do NAF.
“O potencial para o crescimento do NAF/COMEX em nossa região é muito grande. Já temos uma rede de comércio exterior bem desenvolvida e a inclusão do microempreendedor individual (MEI) e do cidadão hipossuficiente nas transações internacionais será benéfica para toda a sociedade. Pequenos produtores rurais, apicultores, fabricantes de cachaça e de cerveja, e até mesmo artesãos são alguns dos empreendedores regionais que poderão expandir seus negócios. Assim, a criação do NAF/COMEX é de grande valia para que esses pequenos empreendedores possam dar os primeiros passos no comércio internacional, seja para a exportação de seus produtos seja para a importação de matérias-primas”, disse Henrique Viegas.

      


 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp