04/03/2024 às 14h56min - Atualizada em 04/03/2024 às 14h56min

Cafeicultoras da Região Vulcânica discutem a importância da produção sustentável

FONTE: Assessoria de Imprensa do Sebrae Minas - [email protected] - FOTOS: Arquivo/Divulgação
C 
No Dia da Mulher (8/3), evento estimula e fortalece a participação feminina na cadeia produtiva do café
 
Na próxima sexta-feira, Dia Internacional da Mulher (8/3), cafeicultoras mineiras e paulistas se reúnem para discutir sobre produção sustentável durante o 3ª Encontro das Mulheres da Região Vulcânica. O evento será realizado das 8h às 17h, na cidade de Divinolândia (SP). Informações pelo site da Sympla.
 
Com o tema "Mulheres que cuidam do solo vulcânico", o encontro vai tratar sobre o manejo regenerativo do solo, os desafios e as oportunidades associadas a essa nova abordagem de produção e a adoção de práticas agroecológicas fundamentais para a preservação do meio ambiente, para a melhoria da qualidade do produto e valorização do café no mercado.
 
Além das discussões sobre manejo do solo, a programação do evento incluirá palestras, workshops e painéis que abordarão desde o trabalho das mulheres na cafeicultura, e questões ligadas ao empoderamento feminino e à sucessão familiar no campo, até dicas sobre comercialização de cafés especiais, marketing pessoal e como se preparar para competir de forma eficaz no mercado de cafés
 
O Encontro das Mulheres da Região Vulcânica é uma realização da Associação dos Produtores do Café da Região Vulcânica, Prefeitura Municipal de Divinolândia, Sebrae Minas, Sebrae-SP, Sindicato Rural de Divinolândia, FAESP/SENAR-SP, Associação dos Cafeicultores de Montanha de Divinolândia (APROD), Associação dos Cafeicultores do Bairro do Ribeirão do Santo Antônio (ACRISA), Instituto Federal do Sul de Minas, Instituto Federal de São Paulo, Sindicato dos Produtores Rurais de Poços de CaldasMinistério do Desenvolvimento Agrário (MDA), EMATER-MG e Café Poços.  
 
APOIO À CAFEICULTURA - Na região de solo vulcânico são mais de 7 mil cafeicultores, que produzem 1,79 milhão de sacas anualmente, em uma área plantada de 53.427 há. A atividade cafeeira é responsável pela geração de quase 900 mil empregos diretos e indiretos em 12 municípios, oito no Sul de Minas Gerais - Andradas, Bandeira do Sul, Botelhos, Cabo Verde, Caldas, Campestre, Ibitiúra de Minas e Poços de Caldas - e quatro no Nordeste de São Paulo - Águas da Prata, Caconde, Divinolândia e São Sebastião da Grama.

 
Desde 2016, o Sebrae Minas desenvolve ações na região, em parceria com os cafeicultores mineiros, voltadas para estruturação de estratégias de mercado, governança e qualidade do café. Outras frentes de trabalho são o fortalecimento da marca por meio da participação em feiras e eventos de degustação e o reconhecimento e a abertura para o mercado internacional.
 
Com a conquista da marca coletiva, em 2021, os produtores estão em processo de obtenção da Indicação Geográfica (IG) para a chamada “Região Vulcânica”, registrada junto ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) pela Associação de Produtores do Café da Região Vulcânica
 
SERVIÇO:
3ª Encontro das Mulheres da Região Vulcânica
Dia 8 de março, sexta-feira, das 8h às 17h
Pesqueiro Recanto dos Lagos
Divinolândia/SP
Informações: https://www.sympla.com.br/evento/3-encontro-das-mulheres-da-regiao-vulcanica/2332891?_gl=1*14ova0j*_ga*MTg5MzY2OTUxNy4xNjUwMzI4ODAy*_ga_KXH10SQTZF*MTcwNzk0MDAxMi4xNDAuMS4xNzA3OTQwNjQ1LjUyLjAuMTg4NDExMzI0MA

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://brandnews.com.br/.