Brand-News Publicidade 1200x90
28/04/2023 às 16h20min - Atualizada em 28/04/2023 às 16h20min

NOTAS RÁPIDAS - 28/04

FESTIVAL SABORES DA MONTANHA REUNIRÁ 61 RESTAURANTES DE 27 CIDADES DE SP E MG
 
Ao menos 61 estabelecimentos participarão do 1º Festival Gastronômico Sabores da Montanha, que será realizado entre os dias 2 de junho e 30 julho. O número, porém, poderá aumentar, já que as inscrições se encerram à meia-noite desta sexta-feira, 28 de abril, sem novos prazos para prorrogação.
Os estabelecimentos estão situados em 27 municípios da Serra da Mantiqueira paulista, Serra da Bocaina, Vale Histórico e Sul de Minas Gerais. O estado de São Paulo tem 10 cidades participando com 23 restaurantes, enquanto Minas Gerais possui 17 cidades e 38 estabelecimentos inscritos.
A relação de todos os participantes do festival pode ser acessada pelo site oficial do evento: https://saboresdamontanha.com.br no menu “participantes do festival”. Nele o público poderá conferir as fotos dos pratos, ficha técnica, ingredientes e informações de contatos. As inscrições podem ser feitas por meio deste linkhttps://saboresdamontanha.com.br/formulario-de-inscricao/.
Entre os estabelecimentos irão participar restaurantes, hamburguerias, pizzarias, cervejarias artesanais, cafeterias, docerias, pastelarias, foodtrucks, sorveterias, vinícolas e até pousadas com pegada gastronômica.
Uma das características dos chefs é a apresentação de iguarias típicas da Mantiqueira ou de Minas Gerais no festival, valorizando também os produtores artesanais locais.
 
FONTE: Sabores da Montanha - [email protected]
 
 
 
SETE MILHÕES DE PASSAGEIROS VOARAM PELOS CÉUS DO BRASIL EM MARÇO DE 2023
 
A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) publicou na quinta-feira (27.04) os dados do Relatório de Demanda e Oferta do setor para março de 2023. Os resultados mostram que o mês três deste ano contou com 7 milhões de passageiros se locomovendo em viagens domésticas no país. O número representa um aumento de um milhão de passageiros em relação ao mesmo período de 2022, quando foi registrada movimentação de 6 milhões de pessoas em voos domésticos.
A divulgação da demanda e da oferta do setor aéreo também aponta que foram ocupados 10 milhões de assentos em março deste ano, um aumento do número em comparação aos 8 milhões ocupados no mesmo período do ano passado. Para março de 2023, a taxa de aproveitamento (que leva em conta a variação da demanda e da oferta) foi de 78,9%. Além disso, o mês contabilizou 38 milhões de cargas de correio em voos domésticos.
O Painel indica um crescimento no número de decolagens em 2023, sendo janeiro, fevereiro e março responsáveis por 196.330 mil decolagens. O número angaria 25,2 mil decolagens a mais que em 2022, quando os primeiros três meses somaram 168.096 mil decolagens.
 
FONTE: Ministério do Turismo - [email protected]
 
 
 
VEREADOR KLEBER SILVA PEDE MANUTENÇÃO DA ESTRADA QUE DÁ ACESSO AO CRISTO
 
O vereador Kleber Silva (Novo) é autor de um Requerimento que busca informações da Prefeitura sobre a estrada que dá acesso ao Cristo Redentor. Segundo o parlamentar, após a concessão dos pontos turísticos do município, a via está bastante movimentada e necessitando de melhorias, em especial sinalização e recapeamento asfáltico.
Um dos questionamentos do legislador diz respeito ao planejamento para manutenção da estrada. “Em alguns pontos, o asfalto está trincado, podendo ocorrer acidentes ou deslizamentos, impedindo a passagem de veículos e pedestres. Diante do grande movimento nos últimos dias, estamos pedindo ao Executivo que nos informe se existe um cronograma de obras e até mesmo de uma limpeza nas laterais da estrada, em toda sua extensão”, ressalta.
No Requerimento, o vereador questiona, ainda, se a manutenção da estrada é de responsabilidade do município ou da empresa responsável pela concessão dos pontos turísticos. “O município dispõe de recursos para realizar a obra ou, caso seja de competência da empresa, existe planejamento para isso? A estrada está em péssimas condições e é preciso garantir a segurança e o conforto dos moradores e dos visitantes que utilizam a estrada do Cristo Redentor de Poços de Caldas”, conclui.
 
FONTE: Assessoria de Imprensa da Câmara de Poços de Caldas
 
 
 
MINAS GERAIS AMPLIA PRAZO PARA VACINAÇÃO CONTRA A MENINGITE C
 
A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) ampliou o prazo para a vacinação contra a meningite C no Estado até o dia 30/7/23 para todos os mineiros que tenham 16 anos de idade ou mais e ainda não se imunizaram contra a doença. A orientação é que as pessoas procurem a Unidade Básica de Saúde mais próxima para avaliação do cartão de vacina. O imunizante é gratuito, oferecido pelo Sistema Único de Saúde.
A ampliação se deve à intensa procura pela vacina nos municípios de Minas nos últimos dias e, principalmente, à importância de garantir a imunização da população ao agravo. A doença meningocócica é uma infecção das membranas que recobrem o cérebro e está entre as doenças imunopreveníveis mais temidas pela população. Ela é causada pela bactéria meningococo e é mais grave quando atinge a corrente sanguínea, provocando infecção generalizada.
Os casos graves podem evoluir para o óbito em até 24 horas. Em 2023, três pessoas já morreram por doença meningogócica em Minas Gerais. Em 2022, foram 22 óbitos pela doença.
De acordo com a diretora de Vigilância de Agravos Transmissíveis da SES-MG, Marcela Ferraz, a Secretaria já solicitou ao Ministério da Saúde o envio de novas doses da vacina Meningocócica C para o atendimento da demanda do Estado. “A previsão é de que 400 mil doses sejam entregues à SES-MG até o dia 2 de maio de 2023, quando serão conferidas e separadas antes do envio às Unidades Regionais de Saúde do Estado, de modo a dar andamento à estratégia de ampliação”, disse.
As crianças que por algum motivo perderam a oportunidade de receber a vacina nas idades indicadas, poderão ser vacinadas até os 4 anos, 11 meses e 29 dias, conforme Instrução Normativa do Calendário Nacional de Vacinação do Ministério da Saúde.
 
Fonte: SEC.GERAL Superintendência de Imprensa - [email protected]
 
 
 
SÍLVIO ASSIS QUER INFORMAÇÕES SOBRE CUMPRIMENTO DA LEI QUE TRATA DAS CÂMERAS DE MONITORAMENTO NAS ESCOLAS
 
A Lei Municipal n. 9.460, aprovada pela Câmara de Poços em 2021, dispõe sobre a instalação de câmeras de monitoramento para segurança nas escolas públicas municipais. A proposta é de iniciativa do vereador Sílvio Assis (MDB), que desde o início do mandato tem discutido essa pauta. Nesta semana, o parlamentar apresentou um Requerimento (n. 719) solicitando informações da Prefeitura sobre o cumprimento da legislação.
De acordo com a norma, a instalação do equipamento deverá considerar o número de alunos e funcionários da unidade escolar, bem como as características territoriais e dimensões do local, respeitando as normas técnicas exigidas. Cada escola terá, no mínimo, duas câmeras de segurança que registrem permanentemente as suas áreas de acesso e principais instalações internas.
Sílvio Assis ressalta que a matéria vem garantir a integridade e a segurança de alunos, professores e servidores das escolas. No Requerimento, o legislador indaga se já foram instaladas câmeras de segurança em escolas municipais e se já foi realizado algum levantamento para viabilizar a execução da lei em sua totalidade. O vereador quer informações, ainda, sobre a existência de processo licitatório para compra dos equipamentos e de um cronograma para instalação dos mesmos.
 
FONTE: Assessoria de Imprensa da Câmara de Poços de Caldas
Link
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://brandnews.com.br/.