03/02/2023 às 15h31min - Atualizada em 03/02/2023 às 15h31min

A grandiosidade do Rio Paraná e o seu potencial turístico

FONTE: Ministério do Turismo - [email protected] - FOTO: Reprodução Google - Bem Paraná
Passeio de barco no Rio Paraná, no município de Porto Rico
c 
Turismo nas cidades paranaenses que estão à margem do rio cresce e aumenta o debate em torno da sustentabilidade
 
Ele é o segundo maior rio da América do Sul, ficando atrás apenas do rio Amazonas, e é uma das principais vias de integração do Mercosul. Se você pensou no Rio Paraná, acertou. Para quem não conhece, o afluente também é um importante atrativo turístico para o estado, sendo responsável pela formação de praias de água doce e possibilitando passeios de barco, observação da fauna e da flora e realização de trilhas. Diante de todo esse potencial, a Agência de Notícias do Turismo apresenta o Rio Paraná. Não esqueça do colete salva-vidas e venha navegar em mais um dos atrativos do Brasil da série “Turismo nos Rios Brasileiros”.

Para começar a nossa viagem, chegamos ao município de Icaraíma, na Costa Noroeste do estado. Com outros 35 municípios, a região é um dos mais importantes destinos turísticos do Paraná, de acordo com a Paraná Turismo, se destacando pela prática do turismo sustentável. Outro case de sucesso é o município de Porto Rico. O destino é bastante conhecido pelas praias, parques, resorts e pelas atividades praticadas em meio ao Rio Paraná. Entre os passeios que podem ser realizados estão a visita às praias de Santa Rosa, que possui água doce e transparente, areia fina, sol e beleza natural; e a da Carioca, que é ideal para quem busca um local mais reservado.

Subindo um pouco mais o rio, no município de São Pedro do Paraná, o afluente oferta uma bela paisagem e águas cristalinas. No distrito de Porto São José é possível realizar um passeio de barco que é de tirar o fôlego, diante de tanta beleza. No trajeto, o turista pode pescar ou mergulhar no Fundão; ou ainda visitar a área onde foram afundados navios do Exército Brasileiro durante a Revolta dos Tenentistas. O visitante ainda pode passear pelas diversas praias deslumbrantes e curtir as maravilhas formadas pelo rio Paraná e seu arquipélago.

Na cidade de Foz do Iguaçu, famosa por suas cataratas, o Rio Paraná é o responsável por abastecer o reservatório de Itaipu Binacional e junto ao Rio Iguaçu forma a tríplice fronteira (Brasil, Argentina e Paraguai). Além disso, a região é conhecida também por ser sede da Guerra do Paraguai, quando as tropas brasileiras e argentinas derrotaram o exército paraguaio. O rio também é reconhecido por marcar o cenário de tradicionais pontes, como a da Amizade, que une o Brasil ao Paraguai, e a da Fraternidade, que liga o nosso país aos Hermanos.

Ainda em Foz, o turista pode praticar a pesca esportiva. Segundo a prefeitura local, no roteiro estão incluídos todos os equipamentos necessários para realização das atividades: barco, piloto/guia, varas, molinetes, iscas e anzóis. A variedade de peixes é grande, destacando-se o dourado, bagre, pacu, piapara, surubi e tucunaré.

E já pensou em fazer uma trilha de longo curso aquática? Pois no Rio Paraná é possível. A Trilha Rota dos Pioneiros possui extensão de 381 quilômetros que cortam os estados de São Paulo, Paraná e Mato Grosso do Sul e está inserida no RedeTrilhas, iniciativa do governo federal em prol do turismo em áreas naturais. A previsão é de que o percurso possa ser concluído em 20 pernoites, por meio da canoagem, caminhada ou bike. O atrativo foi pensado de forma a oferecer a melhor experiência ao aventureiro e passa pelos trechos mais seguros, com menor movimento de embarcações, por pontos de apoio e por parques, praias, canais estreitos, paredões de arenito, etc.

TURISMO NÁUTICO - A atividade é caracterizada pelo contato com a água - salgada ou doce -e está ligada à navegação, à prática de esportes aquáticos ou outras atividades realizadas na água. Outra característica importante é que, diferente de outros meios de transporte, as embarcações são os principais atrativos do turismo náutico, já que elas oferecem lazer e entretenimento, em vez de apenas deslocamento.
 
Com cerca de 8.500 quilômetros de litoral, 35 mil quilômetros de rios e canais navegáveis e mais 9.260 quilômetros de margens de reservatórios de água doce, lagos e lagoas, o Brasil apresenta um dos maiores potenciais de desenvolvimento do turismo náutico no mundo.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://brandnews.com.br/.