Brand-News Publicidade 1200x90
Brand-News Publicidade 728x90
09/09/2022 às 16h22min - Atualizada em 09/09/2022 às 16h22min

No mês dedicado à prevenção do suicídio, autora de Poços lança “Suicídio e Internet”

FONTE E FOTO: Rita Dias - [email protected]
Com tema inspirado na própria vida da autora, a obra está sendo lançada no mês dedicado à prevenção do suicídio, o “Setembro Amarelo”
 
No mês dedicado à prevenção do suicídio - “Setembro Amarelo” -, a bacharel em Direito pela PUC Minas campus Poços de Caldas, pesquisadora e especialista em Crimes Cibernéticos pela Coursera (EUA), Carolina de Souza, faz o lançamento de seu livro “Suicídio e Internet”.
Com tema inspirado na própria vida da autora, que com menos de 10 anos de idade já tinha tentado se matar, a obra traz um estudo científico e social sobre o tema.
 
Lançado pela editora Dialética e com 228 páginas, o livro aborda de forma didática o significado do suicídio, de acordo com a definição de vários autores, propondo uma análise do ato sob os âmbitos jurídico, sociológico, psicológico, informático e até político. A obra aprofunda, ainda, a discussão, mostrando o papel relevante da globalização e o vínculo entre a internet e a prática dos atos suicidas. Como também, discorre sobre o marco civil da internet e a participação em suicídio.
 
“O suicídio é um movimento social e não somente individual. Conhecer as multifaces do suicídio requer uma pesquisa aprofundada e um estudo sistêmico”, afirma Carolina.
 
Rico em referências bibliográficas, a obra está dividida em três tópicos principais. São eles: “O Suicídio e sua Evolução Histórica”; “Crime de Participação em Suicídio, Automutilação e a Legislação Brasileira”; e “Da Internet, dos Crimes Cibernéticos, da Liberdade de Expressão e da Participação em Suicídio e Automutilação pela Internet”.
 
“O suicídio é evitável com intervenções oportunas, em geral de baixo custo, baseadas em evidências. Por isso, nosso olhar deve estar sempre atento às pessoas à nossa volta para oferecer ajuda”, destaca a autora.
 
O tema ganha importância, porque de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS) a cada 40 segundos uma pessoa é vítima de suicídio no mundo, somando 800 mil por ano. O suicídio é considerado a segunda maior causa de morte no mundo, perdendo somente para as ocasionadas no trânsito.
 
Outro dado importante é com relação ao gênero - ou seja, as mulheres tentam cometer o suicídio 30% a mais que os homens. Porém, o número de mortes por suicídio entre os homens é maior, porque eles acabam utilizando técnicas mais letais, como o uso de armas, por exemplo.
 
SOBRE CAROLINA DE SOUZA - Natural de Poços de Caldas (MG), a pesquisadora tem 30 anos de idade. Possui bacharelado em Direito pela PUC-MG/Poços de Caldas, é especialista em Crimes Cibernéticos pela Coursera, Califórnia (EUA) e em Educomunicação para Prevenção do Suicídio, pela Fundação Demócrito Rocha e Organização Panamericana da Saúde/Organização Mundial da Saúde. Atualmente é pós-graduanda em Direito Sistêmico e Constelações Sistêmicas pelo Instituto Innovare.
 
O livro está disponível para venda nos principais marketplaces e no site  www.editoradialetica.com.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://brandnews.com.br/.