30/06/2022 às 17h00min - Atualizada em 30/06/2022 às 17h00min

Jovem poços-caldense se destaca no futebol europeu

FONTE: ROANA MELLO - FOTOS: DIVULGAÇÃO
Matheus Mello no Torneio em Cantábria, na Espanha, pelo Porto

Com passagens por clubes importantes, Matheus Mello é uma das promessas de time em Portugal
 
Velocidade, domínio de bola e chute certeiro: essas são algumas das habilidades de Matheus Mello, de apenas 14 anos. Natural de Poços de Caldas, MG, ele é agora jogador do time sub-14 do Futebol Clube do Porto, em Portugal, onde tem se destacado com bons resultados e premiações importantes.
 
Aos quatro anos de idade, seu talento foi notado por um tio, que incentivou os pais a inscrevê-lo na escolinha de futebol do Vulcão, em sua cidade natal. Depois disso, nunca mais parou. Aos cinco anos, teve a oportunidade de participar da sua primeira peneira em um campo society do Barcelona, na época instalado em Poços, onde treinou por seis meses. Logo após, Matheus treinou na escolinha da Cooperativa de Crédito dos Servidores Públicos de Poços de Caldas (Coopoços) com os treinadores José Carlos Quiciri, o (Zé Carlos) e Wellington Guimarães (Paulista).
 
Por ter contato com uma pessoa ligada ao time do Santos FC, Zé Carlos conseguiu que Matheus participasse de mais uma peneira, na qual foi aprovado. O pequeno jogador treinou futsal na cidade de Santos, SP, por sete meses. Ao término, retornou para Poços de Caldas e começou a treinar na escolinha do Grupo Curimbaba. Então, ele e mais alguns meninos foram indicados pelo então treinador Fernando Henrique dos Santos (Pelezinho), para reforçarem a equipe do São Paulo de Mogi Mirim, em Cotia, SP.
 
Em 2019, ainda no Curimbaba, mais uma vez foi convidado pelo seu treinador a compor a equipe em um torneio na Espanha - projeto que ocorre anualmente e, na ocasião, o Curimbaba era o único representante do Brasil. Enquanto jogava no exterior, seus pais entraram em contato com o Clube do Porto; um dos diretores gostou do material enviado e convidou o garoto para treinar em sua escolinha de futebol. Ao terminar o torneio espanhol, o atleta mudou-se para Portugal a fim de aproveitar a oportunidade e, assim, futuramente, conquistar novos espaços e vagas em grandes clubes.
 
Hoje, agenciado pela agência esportiva Stars Soccer, Matheus disputou seu primeiro torneio na Europa pelo clube do Porto e teve o privilégio de fazer três gols, ajudando o time a conquistar mais uma vitória. “Matheus é diferenciado. De 90% dos atletas, somente 30% se destacam dentro do futebol, e ele é claramente um deles. Queremos projetá-lo a um nível maior. Ele tem estrutura física, mental e comportamental. Ele tem futuro”, declara Pedro Azevedo, empresário do jogador.
 
DO DIAGNÓSTICO DE DEFICIÊNCIA À SUPERAÇÃO - “O Matheus é um verdadeiro milagre”, afirma Eugénia Mello, mãe do atleta. Com um ano de idade, ele recebeu de uma junta médica, o diagnóstico de raquitismo hipofosfatêmico, doença que impossibilita o organismo de efetuar a mineralização - ou seja, tudo que é consumido, é eliminado. Consequentemente, ele desenvolveu múltiplas deformidades ósseas, precisaria passar por cirurgia e, segundo os médicos, teria uma deficiência por toda a vida.
 
Após quatro anos de tratamento, fé e muita batalha pela melhora, o jovem craque, sem necessidade de nenhuma cirurgia, obteve o grande êxito da sua vida: a cura, e sem sequela alguma. Hoje é uma das promessas do futebol. “Nunca pensei em desistir. Venci obstáculos desde criança. Meus pais e irmão são a minha maior motivação. Eles se dedicaram a mim desde o início, largaram tudo no Brasil para vir viver o meu sonho e fizeram com que eu chegasse até aqui. Eu me vejo no futebol profissional”, afirma Matheus. 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp