09/06/2022 às 15h25min - Atualizada em 09/06/2022 às 15h25min

Maria Fumaça terá mais viagens neste feriado prolongado de Corpus Christi

FONTE: Daniela Galvão - daniela.galvao@maquinacohnwolfe.com - FOTO: Divulgação
c 
Turistas do Brasil e do mundo poderão fazer o belo passeio pelas serras do complexo de São José, no Campo das Vertentes, Minas Gerais
 
A Maria Fumaça, administrada pela VLI - companhia de soluções logísticas que opera terminais, ferrovias e portos -, e que proporciona uma verdadeira viagem pela história e cultura ferroviária de Minas Gerais, terá seu quadro de horários ampliados para o próximo feriado prolongado de Corpus Christi. As tradicionais viagens a bordo do mais antigo trem turístico em operação do Brasil, entre as cidades de São João del-Rei a Tiradentes e vice-versa, no Campo das Vertentes, poderão ser feitas em três horários entre os dias 16 e 18 de junho. Por sua vez, no dia 19, último dia do feriado, o passeio segue com uma saída de São João del-Rei e uma de Tiradentes.
 
A tarifa inteira para ida é de R$ 70 e a inteira ida e volta custa R$ 80. A entrada é gratuita para crianças de 0 a 5 anos, mediante apresentação de certidão de nascimento ou carteira de identidade. Têm direito à meia-entrada (50%): crianças de 6 a 12 anos, com a apresentação de certidão de nascimento ou carteira de identidade; estudantes com carteirinha válida no período e identidade com foto; e pessoas acima de 60 anos, apresentando documento de identidade com foto.
 
Para conferir a agenda com os horários do trem turístico, basta clicar aqui. A venda de passagens será feita por meio das bilheterias, nas estações de São João del-Rei e Tiradentes, bem como pela internet. Pela web, clique no link do Guichê Virtual, para ser direcionado ao site responsável pela venda de passagens do trem turístico. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (32) 3371-8485 ou pelo site da VLI.
 
HISTÓRIA - A Maria Fumaça é uma das poucas máquinas a vapor no mundo que ainda roda em trilhos de bitola de 76 cm. A antiga Estrada de Ferro Oeste de Minas (EFOM), inaugurada em 1881 por Dom Pedro II, abre caminho entre o Cerrado e a Mata Atlântica para levar o turista a 12 km de travessia por uma belíssima diversidade ecológica e paisagens que ainda preservam a arquitetura do século XIX.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp