07/06/2022 às 16h39min - Atualizada em 07/06/2022 às 16h39min

Brasil é o 110° lugar no ranking de liberdade de imprensa no mundo

FONTE: Camejo Estratégias em Comunicação
Nos últimos anos ocorreu o fortalecimento da disseminação da informação de qualidade, mas, em contrapartida, aumentaram os ataques contra a imprensa livre, seja no rádio, jornais ou televisão
 
Resiliência é a palavra que resume os últimos anos das empresas de comunicação diante do cenário de dificuldades que a pandemia instalou no mundo todo. Mesmo com todos os desafios que a nova realidade nos impôs, saímos fortalecidos desse período obscuro, cada vez mais comprometidos com a disseminação da informação de qualidade.
 
Um recente estudo feito pela ONG Repórteres Sem Fronteiras mostrou que o Brasil é o 110° lugar no ranking de liberdade de imprensa no mundo. Por aqui, os ataques aos profissionais da imprensa são cada vez mais visíveis. Ataques que repudiamos e combatemos através da informação e de leis que garantem a liberdade da nossa categoria. Ataques como os que temos visto acabam incentivando ações legais abusivas, campanhas de difamação e intimidação, especialmente contra mulheres e assédio online a jornalistas críticos. Mesmo assim, nosso setor se mantém forte.
 
O presidente da Fenaert - Federação Nacional das Empresas de Rádio e Televisão, Jorge Henrique Maciel, destaca que a liberdade de imprensa é vital para todas as pessoas. “É preciso refletir o quanto é importante que tenhamos uma mídia livre, pois é nela que podemos realizar debates, formar opiniões e entender o que está acontecendo ao nosso redor. Acredito que todas as empresas e profissionais procuram sempre trabalhar de forma justa, divulgando dados para entregar um trabalho com qualidade e credibilidade”, reforça Maciel.
 
Hoje, 07 de junho, é celebrado o Dia da Liberdade de Imprensa e a Fenaert segue apoiando os veículos de comunicação e os profissionais de imprensa na luta pela liberdade de informar. “O jornalismo é uma das profissões mais antigas que existe e temos certeza que ela se fortalece cada vez mais”, ressalta.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp