14/04/2022 às 15h14min - Atualizada em 14/04/2022 às 15h14min

Arquiteta e artista plástica são convidadas para oficina temática do Parlamento Jovem

FONTE E FOTO: Secretaria Municipal de Comunicação Social da Prefeitura de Poços de Caldas
c 
Dalmoni Lydijusse e Adriane Matthes vão abordar o tema “Estratégias da comunidade para promoção da saúde mental”
 
Na próxima segunda-feira (18), às 14h, a Escola do Legislativo da Câmara de Poços promove a segunda oficina temática da edição 2022 do Parlamento Jovem de Minas. O encontro, com o tema “Estratégias da comunidade para promoção da saúde mental”, contará com a presença da artista plástica Dalmoni Lydijusse e da arquiteta Adriane Matthes.
 
A coordenadora do PJ em Poços, Tais Ferreira, explicou o objetivo das oficinas temáticas. “A ideia dessas oficinas é, justamente, apresentar o que já temos implementado sobre determinado subtema. Por exemplo, o subtema de segunda-feira é ‘Estratégias da comunidade para a promoção da saúde mental’, então nós convidamos uma artista plástica e uma arquiteta, que trarão uma visão do município e sua influência na saúde mental das pessoas, e, ao mesmo tempo, vão apresentar aos estudantes as demandas que a comunidade possui nessa área”, pontuou.
 
De acordo com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), a maioria dos adolescentes e jovens tem uma boa saúde mental. Entretanto, as mudanças físicas, emocionais e sociais que acontecem nessa faixa etária, somadas à exposição a situações sociais desfavoráveis como a pobreza, o abuso ou a violência, o que, infelizmente, é uma realidade comum no país, podem tornar os jovens e adolescentes vulneráveis ao adoecimento mental. Ainda de acordo com a Opas, estima-se que 10% a 20% dos adolescentes vivenciem problemas de saúde mental no mundo, sendo a depressão a 9ª e a ansiedade a 8ª principal causa de doença e incapacidade entre todos as pessoas dessa faixa etária. Diante dessa realidade, as convidadas pelo PJ vão dissertar e compartilhar suas impressões e experiências.
 
Nascida em Poços de Caldas, Dalmoni Lydijusse possui licenciatura em Artes Plásticas, bacharelado em Belas Artes e especialização em Arte Integrativa. Desde 2003, gerencia e mantém o Arte Ziriguidum. No espaço, promove aulas e cursos em parceria com outros profissionais, como aulas de dança, tango, capoeira de Angola, história da arte, desenho, além de abrigar atividades como encontros literários e encontros musicais. Também organiza viagens culturais e promove exposições individuais e coletivas. Como artista, seus trabalhos participaram de exposições nos Estados Unidos, São Paulo, Belo Horizonte e Poços de Caldas.
Já Adriane Matthes é arquiteta e urbanista, mestre em Urbanismo e doutoranda em Urbanismo. Especialista em Desenho e Gestão do Território Municipal, foi docente do curso de Arquitetura e Urbanismo da PUC Minas e é Conselheira Suplente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo/MG. Atua como consultora em Planos Diretores Municipais e ministra cursos sobre Cidades Brasileiras e sua Constituição Urbana. Além disso, Adriane integra o grupo “A Cidade que Engole Rios”, formado por arquitetos, urbanistas, ambientalistas, educadores e artistas que, após a enchente que acometeu Poços de Caldas em janeiro de 2016, estão estudando as causas de alagamento na cidade.
 
O PJ de Minas é um projeto de formação política e educação legislativa destinado aos alunos do ensino médio. Além de despertar nos jovens o interesse pelo exercício da democracia, o programa possibilita o conhecimento do processo legislativo, bem como a vivência em situações de debates e exposição de opiniões. Informações e notícias sobre o projeto estão disponíveis no Portal e redes sociais da Câmara de Poços.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp