11/04/2022 às 16h31min - Atualizada em 11/04/2022 às 16h31min

+ DO TURISMO - 11/04

Imagem de evento teste realizado por Julio WyKrota foi editada e utilizada no projeto da DEJOUR
N
Dejour Club já movimenta Balneário Camboriú
 
Com previsão de inaugurar ainda neste semestre, a DEJOUR Club, a primeira Plataforma Náutica Itinerante, com direito a Spa, entretenimento e lazer para todas as idades, está dando o que falar. O clube flutuante tem o intuito de ser um atrativo turístico revolucionário para as crianças, jovens e famílias, capaz de gerar vivências que ficarão nas lembranças da diversão náutica.
Seus 950m² (aproximadamente), localização a 250 metros de areia, perto do Molhe da Barra Sul, tornam a DEJOUR um atrativo à parte. Projetada para receber 700 pessoas com uma concepção de exclusividade, a iniciativa turística náutica de bem-estar tem como sócios o reconhecido empresário Álvaro Garnero, além de Marlon Cristiano, Reinaldo Oliveira e Lucas Araújo. Os dois últimos se apresentam como donos do projeto inovador, mas uma grande polêmica vem sendo ocultada da sociedade catarinense.
 
O mar não está tão calmo quanto parece...
Ao que tudo indica, o verdadeiro criador da primeira Plataforma Náutica de entretenimento itinerante é o empresário mineiro Julio Vito Wykrota. Segundo documentos apresentados por Wykrota à justiça, a ideia de criar um clube flutuante itinerante teve início em 2011, quando ele identificou uma oportunidade de mercado na cidade de Capitólio (MG). Após cinco anos de pesquisa de tecnologia, estudos de viabilidade e investimento em engenharia e arquitetura para validação do protótipo, com gastos na ordem de R$ 430 mil realizados exclusivamente por Wykrota, o empresário buscou novos investidores capazes de viabilizar o projeto. Foi quando iniciou uma parceria, primeiramente, com o promoter de eventos Reinaldo Oliveira e, dois anos depois, com Lucas Araújo. Foi inclusive ele que os apresentou.
Eu confiei nos dois, abri meu projeto e no momento em que eles viram que não sairiam em vantagem na divisão societária, eles pegaram todo o meu projeto, mudaram o nome e venderam como se fosse deles. Sofri um golpe que até hoje não consigo calcular, porque além de envolver todo o prejuízo financeiro, fui apunhalado pelas costas. Eles não apenas divulgaram informações sigilosas, imagens, documentos e planilhas financeiras que eu desenvolvi como se valeram de tudo isso para desenvolver o meu projeto como se fosse deles, me causando um prejuízo da ordem de centenas de milhares de reais, abalando minha credibilidade no mercado e roubando, acima de tudo, o meu sonho”, conta Wykrota.
O caso corre na 1ª Vara Empresarial da Comarca de Belo Horizonte/MG (processo n. 5036614-72.2021.8.13.0024), pedindo a suspensão imediata da fabricação, divulgação, operação, alienação, celebração ou qualquer outra espécie de operação comercial relacionada ao projeto denominado DEJOUR Floating Club.

FONTE E FOTO: Camila Catalan - 22 Graus Comunicação



 
GOL faz voo comemorativo de retorno à capital do Paraguai
 
São 16 anos de relações frutíferas entre o Brasil e o Paraguai, pela GOL Linhas Aéreas, que, desde 2006, promove a comunicação direta entre o aeroporto internacional de Guarulhos (GRU) e o Aeroporto Internacional Silvio Pettirossi (ASU), próximo a Assunção. Na manhã do último dia 9 de abril, a Companhia fez seu voo de retorno à capital paraguaia, retomando as operações entre os dois países que estavam suspensas desde março de 2020, durante o período mais severo da pandemia.
O voo G3 7480, operado com a aeronave Boeing 737-800, com capacidade para 176 passageiros na configuração internacional, decolou em São Paulo/Guarulhos às 10h50 e aterrissou em Assunção às 12h (horário local). O tom de celebração pela volta da GOL ao Paraguai marcou todo o trajeto, desde a sala de embarque, onde os clientes receberam as boas-vindas com um speech especial, também proferido a bordo: “Bem-vindos ao voo partindo de São Paulo com destino à capital paraguaia. Estamos muito felizes em voltar a voar o trecho São Paulo-Assunção, agora com voos diretos, três vezes por semana. Tudo para levar você sempre que precisar, com conforto e agilidade. A gente ama conectar você com o mundo. Voe direto, voe sempre, voe GOL”.
Durante a viagem, cada um dos passageiros recebeu como recordação um simpático bem-voado, versão do doce bem-casado destinada às viagens comemorativas. E o tradicional batismo da aeronave durante o pouso, abolido pela GOL para a economia da água de reuso anteriormente utilizada, foi realizado de forma digital, com o filtro do Instagram denominado Batismo Sustentável, criado pela Companhia.
 
FONTE: InPress Porter Novelli

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp