21/02/2022 às 14h50min - Atualizada em 21/02/2022 às 14h50min

Centro de Imagem da Santa Casa oferece angiotomografia de coronária

FONTE E FOTO: Assessoria de Imprensa da Santa Casa
O biomédico Yran Ferreira Saba, gerente de aplicação da Philips, e a gerente executiva do Centro de Imagens, Andréia de Almeida Silva, em frente ao tomógrafo de 128 canais
c 
Exame para avaliação das coronárias está disponível para convênios e particulares

O Centro de Imagens da Santa Casa de Poços de Caldas passa a oferecer para convênios e particulares a angiotomografia computadorizada (angioTC) de coronárias. Trata-se de um exame não invasivo, de baixo risco e bastante acurado para excluir casos de doença coronária.
O biomédico Yran Ferreira Saba, gerente de aplicação da Philips, esteve recentemente na Santa Casa para treinar a equipe do Centro de Imagens para a realização do exame.
 
Rápido, o exame para avaliação das coronárias requer um preparo de 24 horas com o paciente que, ao chegar ao Hospital, tem avaliada sua frequência cardíaca. “Uma vez instável, a gente pode colocar ele na maca para fazer a aquisição das imagens. O procedimento todo pode chegar a 15 minutos, dependendo muito da condição do paciente”, explica Yran. 
 
O gerente de aplicação da Philips destaca ainda que os exames realizados na Santa Casa preconizam a qualidade de imagem, com baixa dose de radiação e diminuindo o volume de contraste, já que este pode ser prejudicial principalmente para pacientes com problemas renais. 
“Como esse equipamento trabalha com Inteligência Artificial, vai proporcionar aos usuários otimizar ao máximo todos os recursos para fazer o exame na melhor qualidade possível, com tempo, dose, radiação e volume de contraste”, conta Yran.
 
A gerente executiva do Centro de Imagens, Andréia de Almeida Silva, destaca que apesar de o exame estar disponível só para conveniados e particulares, o resultado financeiro desse tipo de procedimento vai ajudar a Santa Casa a melhor atender aos pacientes SUS. “Trata-se de um exame com baixa radiação, modulação de dose, controle com pouco contraste, que a gente sabe que isso evolui na função renal do paciente. E também a perfusão cerebral, que é uma coisa que ajuda muito na função cerebral em caso de AVC”, explica.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp