18/02/2022 às 15h50min - Atualizada em 18/02/2022 às 15h50min

Bill Gates anuncia livro sobre Covid e diz que esta pode ser a última pandemia

FONTE E FOTO: Diagonal Informática - digital@diagonalinformatica.com.br - (Com Forbes)
c 
Bilionário promete explicar como evitar uma nova crise sanitária
 
Teria um dos executivos mais bem-sucedidos do mundo a receita para evitar uma nova pandemia como a atual? O bilionário norte-americano Bill Gates, fundador da Microsoft, anunciou em seu blog nesta semana que lançará, no dia 3 de maio, seu novo livro, How to Prevent the Next Pandemic (literalmente, "Como Prevenir a Próxima Pandemia").
 
Gates, que acredita que a Covid-19 pode ser a última doença com essa dimensão, adiantou que a obra enumera e descreve os esforços específicos que devem ser feitos para impedir novas crises sanitárias, além de apontar os cuidados de saúde a serem tomados por todo o mundo, a partir do que especialistas e lideranças mundiais aprenderam combatendo o novo coronavírus - incluindo o próprio empresário, que se envolveu no financiamento de pesquisas para produção de vacinas por meio de sua entidade filantrópica.
 
"Tenho acompanhado a Covid desde os primeiros dias do surto, trabalhando com especialistas de dentro e fora da Fundação Gates que defendem uma resposta mais igualitária e combatem doenças infecciosas há décadas. Aprendi muito no processo - tanto sobre esta pandemia quanto sobre como evitamos a próxima - e quero compartilhar o que ouvi com as pessoas", escreveu Gates, que também relata, na obra, as conversas que manteve com autoridades públicas como Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), e o infectologista Anthony Fauci, assessor médico da Casa Branca.
 
"A meta de nunca mais haver pandemias é ambiciosa, mas o progresso que fizemos nos últimos dois anos - incluindo os grandes saltos com as vacinas e o conhecimento sobre doenças respiratórias - já nos colocou em um caminho para o sucesso. O mundo agora entende quão seriamente devemos lidar com pandemias e o momento está do nosso lado. Ninguém precisa ser convencido de que uma doença infecciosa pode matar milhões de pessoas ou fechar a economia global. Se fizermos as escolhas e investimentos certos, podemos fazer da Covid-19 a última pandemia", concluiu o bilionário.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp