29/01/2021 às 16h50min - Atualizada em 29/01/2021 às 16h50min

O primeiro cruzeiro 100% LGBT à Antártida sairá da Argentina em 2022

FONTE E FOTO: INPROTUR
O barco, de 5 estrelas, sairá no dia 6 de dezembro de Ushuaia, a cidade mais austral do país, e retornará 11 dias mais tarde. O plano inclui uma noite em Buenos Aires
 
A Argentina é líder na América Latina em Turismo LGBT e um dos destinos do mundo mais escolhidos pela comunidade, que vê o país como um lugar hospitaleiro e de enorme acolhida entre seus habitantes.
Grande parte destas conquistas se deve ao trabalho em conjunto de mais de 10 anos entre o Instituto Nacional de Promoção Turística (INPROTUR) e a Câmara de Comercio LGBT Argentina (CCGLAR), que não param de procurar o máximo posicionamento do país no setor. Por isso, não surpreende que o país alcance um novo avanço no segmento, que lhe dá tão bons resultados anualmente.
Este passo positivo faz com que Argentina tenha o privilégio de ser o destino de onde partirá o primeiro cruzeiro totalmente LGBT para a Antártida. Assim afirmou Randle Roper, CEO da companhia Vacaya, encarregada de realizar esta incrível experiência.
"O esforço incansável de todos aqueles e aquelas que compõem o turismo argentino se vê refletido nestes grandes resultados. É notável como o segmento LGBT cresceu no país e vemos que não tem teto porque permanentemente obtemos conquistas que nos orgulham. Apesar das dificuldades apresentadas pela pandemia, a Argentina demonstra que está firme e com projetos ambiciosos", afirmou o secretário executivo do INPROTUR, Ricardo Sosa.
 A futura aventura rumo ao continente branco partirá no dia 6 de dezembro de 2022 de Ushuaia - capital da Província da Terra do Fuego, Antártida e Ilhas do Atlântico Sul, e conhecida como a cidade do Fim do Mundo -, e voltará à capital fueguina no dia 17 do mesmo mês e ano.
A magnífica travessia, que permitirá navegar em caiaque, observar de perto os pinguins ou tirar uma e outra fotografia, entre múltiplas possibilidades, conta com o acréscimo de uma noite na Cidade Autônoma de Buenos Aires, onde os viajantes terão a possibilidade de visitar a capital argentina.


Fotos meramente ilustrativas
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp