28/12/2021 às 15h01min - Atualizada em 28/12/2021 às 15h01min

Fenômeno jogue para ganhar atrai novos usuários e fatura US$ 2 bilhões

FONTE E FOTO: Ecco - Escritório de Consultoria e Comunicação
Falta de regulação é desafio para desenvolvedores
 
Os jogos NFT geraram US$ 2,32 bilhões no terceiro trimestre, de acordo com dados publicados no relatório anual da Blockchain Game Alliance (BGA), associação que reúne 300 empresas de 56 países. No primeiro trimestre, quando o mercado de games no blockchain disparou, 22% de todo o volume de negociação de NFT foi para todo o setor. Além do rápido crescimento um desafio é comum. Mais da metade (52%) dos entrevistados disseram que a incerteza regulatória era sua maior preocupação.
A evolução do mercado de criptomoedas tem tornado possível a fusão entre games e finanças, como é o caso dos jogos play-to-earn (em português, “jogue para ganhar”), que recompensam financeiramente aqueles que investem seu tempo jogando. 
De acordo com BlockchainGamer.biz, membro do BGA, cerca de US$ 4 bilhões foram investidos em jogos de blockchain no ano de 2021.
 
DESTAQUES - Neste ano, as empresas baseadas em blockchain fecharam enormes rodadas de financiamento. A Axie Infinity foi o primeiro jogo a atingir um 1 bilhão de dólares em vendas de NFT, agora acima de 3,6 bilhões. A Animoca Brands adquiriu seu status de unicórnio e atingiu um aumento de capital de 88 milhões de dólares em maio, depois levantou 168 milhões de dólares em julho e 62 milhões de dólares em outubro. A Dapper Labs conquistou o mundo com o NBA Top Shot faturando 230 milhões de dólares em vendas brutas no primeiro trimestre. 
No Brasil, a startup Reward Hunters Token faz sucesso com seu primeiro jogo: Battle of Sotiras, que une entretenimento e investimento. “Reunimos o que há de mais competitivo nos Battle Royale e vinculamos a um único game dentro do Blockchain”, anuncia Leandro Baccari (foto), head da empresa brasileira. Segundo ele, foram investidos R$ 130 mil para o desenvolvimento do projeto e a moeda do jogo - que compra equipamentos, já que os personagens são gratuitos - já valorizou 1.800%.
 
INDÚSTRIA JOVEM - A pesquisa também mostrou que essa é uma indústria jovem, que têm em sua maioria jogadores profissionais (34%) e desenvolvedores de blockchain (27%). E entre todo o público 81% jogam a menos de três anos, sendo que 42,5% começaram nesse ano.
Como uma nova categoria no jogo onde os jogadores são premiados com criptomoedas no jogo que podem ser trocadas por dólares reais, jogar para ganhar estimulou uma nova demanda e estimulou o crescimento nos estúdios de jogos. Cerca de 60% das empresas são startups com menos de 50 funcionários e 25% trabalham com menos de 10 colaboradores.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp