20/12/2021 às 15h00min - Atualizada em 20/12/2021 às 15h00min

Projeto Olhar Sulfuroso realiza intervenção nas ruas da cidade

FONTE: Carvalho Agência Cultural – FOTOS: Projeto Olhar Sulfuroso
,
A proposta propõe diálogos sobre o patrimônio cultural de Poços de Caldas
   
O projeto Olhar Sulfuroso realiza nos dias 20 e 21 de dezembro intervenção nas ruas de Poços de Caldas, em diferentes locais do Centro, Zonas Sul, Leste e Oeste, propondo diálogos e abordagens com que objetivam trazer reflexão e aprimoramento do olhar acerca do patrimônio cultural material e imaterial da cidade, apresentando a fotografia como instrumento de preservação e valorização da história, na construção de cidadãos detentores de seus direitos culturais. 
Nas abordagens, a equipe do projeto formada por Thaty NailaHelen Muniz e Elvio Bezerra apresenta perguntas para a comunidade, como "Você sabia que isso é um patrimônio?", “Você sabe o que é patrimônio cultural?” entre outras, ouvindo as respostas, entregando cartões postais com referências sobre o patrimônio da cidade e esclarecendo dúvidas. 
O objetivo da proposta é enaltecer o poder da fotografia aplicada ao registro dos patrimônios culturais materiais e imateriais de Poços de Caldas, evidenciando-a como forma de expressão artística e de reflexão acerca da diversidade cultural de da cidade, que busca a valorização da identidade cultural e da memória/história local utilizando-se do diálogo, da troca de impressões e saberes com a cidade fotografada e diferentes pessoas, criando uma história plural sobre Poços de Caldas e seu patrimônio. 
 
De modo que seja criado também sentimentos de amor e o respeito por Poços de Caldas, já que o conteúdo propõe a necessidade da preservação da cultura local e identidade através dos patrimônios públicos que permeiam todo o cotidiano, fazendo com que as pessoas possam transitar pela cidade com um novo olhar, um olhar sulfuroso que é um olhar amoroso. 
Thaty Naila, idealizadora da proposta, comenta: “A Educação Patrimonial é um instrumento de alfabetização cultural que possibilita ao indivíduo fazer a leitura do mundo que o rodeia, levando a compreensão histórica sociocultural e valorização de identidade. A referência de patrimônio, por muitas vezes, se limita na arquitetura da cidade, mas patrimônio também pode ser representado como elementos necessários à sobrevivência do ser humano, como a água, que é extremamente presente e reverenciada na cidade de Poços de Caldas e, fazendo parte da construção histórica do município.” 
Posteriormente será produzido um breve material audiovisual que traz o resultado das intervenções nas ruas, onde as pessoas abordadas são convidadas a falar sobre suas perspectivas sobre o que é patrimônio cultural. O ativista cultural e advogado, Élvio Bezerra, também trará considerações acerca do patrimônio cultural e meios para sua salvaguarda, além de contextualizar a importância da educação patrimonial e da legislação brasileira sobre o assunto. O vídeo será disponibilizado canais na internet redes sociais. 
 
A proposta é uma realização de Thaty Naila Fotografias em uma produção conjunta com a Carvalho Agência Cultural, sendo viabilizada pelo edital de fomento ‘Economia Criativa de Poços de Caldas’, que conta com o patrocínio da Secretaria Municipal de Cultura / Prefeitura Municipal de Poços de Caldas
Acompanhe as ações nas redes sociais @olharsulfuroso


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp