28/09/2021 às 16h44min - Atualizada em 28/09/2021 às 16h44min

Turismo de aventura acessível da Estância Hidromineral de Socorro

FONTE: Vanessa Gianellini Comunicação - VGCOM – FOTOS: Divulgação
Turísmo Acessível - FOTO: Shane Glen
,
Hospedagens, restaurantes e passeios adaptados para promover lazer e descontração de forma adequada e inclusiva
 
Há mais de 16 anos, a Estância Hidromineral de Socorro - cidade turística localizada no Circuito das Águas Paulista e referência em aventura e ecoturismo - tem trabalhado e se empenhado para disseminar a acessibilidade. Hoje, é referência mundial em turismo de aventura acessível.
 
Em 2005, a cidade dava o primeiro passo: o projeto “Aventureiros Especiais”, que identificou as adaptações necessárias para inclusão de pessoas com deficiência e mobilidade reduzida e aprimorou as atividades de aventura. A ação integrou o Ministério do Turismo, a ONG Aventura Especial e algumas empresas da cidade.
Em uma iniciativa inédita, um verdadeiro laboratório, muitas foram as dificuldades, mas a maior delas foi criar os equipamentos específicos, principalmente para a cadeira do rafting, que deveria fixar a pessoa no bote, e o colete, que teria que remeter o praticante para a superfície com a cabeça voltada para cima. Outro desafio foi a criação da cadeirinha para o tetraplégico realizar a descida na tirolesa. O praticante precisaria ficar sentado com cintos transversais no peito e pescoço, para que este não pendesse.
Por conta desta ação, hoje, Socorro é a única cidade do Brasil que tem a possibilidade, dentro dos critérios resultantes do estudo, de oferecer todo o conforto e know how para as pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, no segmento de turismo de aventura.
 
Mais um grande avanço se deu em 2007: foi a vez de adaptar os pontos turísticos públicos e capacitar mais de 250 pessoas, para mão de obra local, por meio do projeto “Socorro Acessível”, um convênio entre a prefeitura e o Ministério do Turismo. O que rendeu a Socorro ser um dos 10 destinos turísticos brasileiros referência em segmentos prioritários para a promoção nacional e internacional.
Assim, por exemplo, o Museu Municipal, localizado em um prédio histórico de 1881, ganhou um anexo para serem feitas as adequações necessárias. O local conta com corrimão nas escadas, rampas, circuito de visitação, bebedouro, elevador e banheiros adaptados, vaga de estacionamento exclusiva para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida e sinalização tátil. Na escola mais antiga da cidade, a Coronel Olímpio Gonçalves dos Reis, datada de 10 de junho de 1911, existem rampas de acesso, banheiros e vagas de estacionamento.

Mirante do Cristo - um dos pontos turísticos mais visitados - oferece vagas de estacionamento, banheiros adaptados, rampas e um elevador panorâmico. O Palácio das Águias, onde funciona a Biblioteca Municipal, tem estacionamento, rampas e elevador e banheiro adaptados. O Espaço do Artesanato também é uma obra pública acessível com rampas, banheiros e estacionamento.
A rota histórica central, que passa pela Igreja Matriz - com rampa de acesso até o altar e banheiro adaptado -, tem pisos táteis pelas calçadas. O coreto - localizado na praça da Matriz - e a Maria Fumaça 208 também receberam rampa de acesso.
 
Nos portais Lions e Colonial existem vagas de estacionamento e rampas. Assim como o Parque da Cidade dispõe de rampas e banheiros adaptados.
As lombofaixas espalhadas pela cidade, ajudam a conter a velocidade dos veículos e proporcionam mais segurança para os pedestres com mobilidade reduzida atravessarem a rua.
 
Os esforços e dedicação foram reconhecidos. Primeiro com o Prêmio Rainha Sofia de Acessibilidade, outorgado pelo Conselho Real para Deficiência, do governo espanhol, em 2013; inclusive a placa encontra-se exposta no Museu. Socorro também conquistou o diploma “Destaque de Honra - Gestão Municipal” no evento World Company Award (WOCA), que aconteceu em Portugal, em 2017. No mesmo ano e em 2019, a cidade foi considerada o melhor destino turístico do estado de São Paulo na categoria Turismo Social, pela premiação Top Destinos Turísticos, uma iniciativa da Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil (ADVB) e do SKAL Internacional São Paulo.
 
REDE DOS SONHOS - Falar sobre acessibilidade é imprescindível citar os Hotéis Fazenda Campo dos Sonhos e Parque dos Sonhos, pioneiros (e comprometidos) na inclusão social e acessibilidade no turismo de Socorro. Como resultado dos trabalhos, os dois hotéis foram as primeiras empresas do país certificadas pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) em Acessibilidade em Edificações Hoteleiras - ABNT NBR 9050. Colecionam premiações nacionais e internacionais.
Na prática, quem se hospedar no Parque dos Sonhos vai encontrar das 30 acomodações, entre apartamentos e chalés, 27 adaptadas. Mais de 80% das construções têm rampa. Por todo o hotel existe sistema de corrimão, mapas táteis, placas em braile e pisos especiais com relevo para sinalização. Nas atividades, existem cadeirinha adaptada para pessoas paraplégicas e tetraplégicas fazerem a tirolesa; selas de cavalo para pessoas com deficiência e cadeirinha aquática para uso nas piscinas e na cachoeira dos Sonhos. Oferecem também bicicletas, triciclos e quadriciclos.
No Campo dos Sonhos, a pessoa com deficiência ou mobilidade reduzida poderá fazer passeio de trator, charretes, arvorismo, tirolesa, triciclos e quadriciclos. Com o lema “tudo pensado para todos”, o gira-gira e a balança do playground, assim como algumas mesas do restaurante, chalés, trilhas, piscinas e toda infraestrutura do hotel fazenda foi concebida e pensada na inclusão.
 
LOCAIS ACESSÍVEIS - Ao observar o desenvolvimento deste segmento e se conscientizar sobre a importância das mudanças, alguns empreendimentos turísticos também seguiram o caminho da cidade e fizeram adaptações básicas.
No Cine Cavaliere Orlandi, por exemplo, existem rampas, banheiros e dois lugares em cada sala do cinema, com acompanhante. Para deficientes visuais e idosos, equipamento de audiodescrição.
Se a ideia é almoçar em meio a muito verde, a sugestão é o Centro de Lazer Pitauá, com banheiros masculino e feminino e rampa para o restaurante. Além disso, têm cadeira de rodas.
Para curtir um rock, a dica é o Rock Rider Bar, 100% plano, com rampa de entrada, portas e banheiros conforme normas e área externa acessível.
No setor de hospedagens, o Grínberg´s Village Hotel dispõe de apto adaptado, com barras no banheiro, vaso sanitário e portas mais largas. Já o Hotel Recanto da Cachoeira tem barra de apoio no banheiro, cadeira de banho, rampa e portas amplas.
 
Somos um destino preparado para atender os mais variados públicos, desde grupos de amigos, famílias com crianças e pets até idosos e pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. Sempre de forma harmoniosa e que promova uma excelente experiência para todos”, afirma Ana Luiza Russo, presidente da Associação de Turismo da Estância de Socorro (ASTUR). “Enfatizamos sempre para os estabelecimentos, a necessidade de aprimorarem os serviços prestados para este público; ainda temos várias melhorias a serem implantadas, mas estamos no caminho certo”, completa.
 
DE OLHO NO CALENDÁRIO DA CIDADE:   Em outubro acontece o 3° Festival Gastronômico Sabores de Socorro. Outros eventos que também já estão na programação da cidade são o Socorro Luzes de Natal, que começa no fim de novembro, junto com o lançamento do projeto “Socorro, a cidade mais petfriendly do Brasil”.
 
Acesse e saiba mais:  www.socorro.tur.br 
No Instagram: @turismosocorro



Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp