23/09/2021 às 15h45min - Atualizada em 23/09/2021 às 15h45min

NOTAS RÁPIDAS - 23/09

APOIADORA DO "UNIDOS PELA VACINA", AVIVA PROMOVE AÇÃO ESPECIAL PARA MÉDICOS E PROFISSIONAIS DA SAÚDE COMO AGRADECIMENTO
 
Apoiadora do projeto "Unidos Pela Vacina", que tem como principal meta auxiliar as campanhas de vacinação pelo SUS em complemento aos Governos Estaduais e Municipais, a Aviva iniciou um movimento paralelo para agradecer os profissionais da saúde, que desde o início da pandemia têm trabalhado para atender a população com toda dedicação e comprometimento. Por seguir diversos protocolos de segurança homologados pelo InCor, a detentora dos destinos Rio Quente (GO) e Costa do Sauípe (BA) passou a oferecer cupom com 20% de desconto a médicos, enfermeiros e outros profissionais da saúde que estão na linha de frente, que querem e precisam recarregar as energias.
Para ter acesso ao benefício é necessário se cadastrar no site. Nele também estão todas as informações sobre a iniciativa.
"Nossa iniciativa é em agradecimento e retribuição por todo o cuidado que os profissionais da área da saúde têm tido diariamente, se doando pela população, nesse momento delicado. Queremos cuidar de quem cuida da gente, do jeito que sabemos fazer bem", conta Flávio Monteiro, Diretor de Operações da Aviva.
 
FONTE: MktMix Assessoria de Comunicação
 
 
 
 
FENAJ COMPLETA 75 ANOS E PROPÕE TAXAR PLATAFORMAS DIGITAIS PARA FINANCIAR O JORNALISMO
 
A Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), principal entidade de representação dos profissionais de jornalismo, completou 75 anos em 20 de setembro. Desde a sua criação a entidade tem-se destacado por lutar por tanto pela organização da profissão quanto por garantir à sociedade acesso público à informação ética e plural.
Na abertura do 39º Congresso Nacional de Jornalismo, que está sendo realizado no Rio de Janeiro até o próximo domingo (26/9), Maria José Braga, a Zequinha, presidente da Federação, apresentou uma proposta de taxação progressiva de plataformas digitais como Google, Amazon, Apple, Facebook e Microsoft com o objetivo de criar um fundo destinado à promoção do "jornalismo de qualidade". A proposta é criar uma Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (CIDE) digital, com variações entre 0,5% e 5% em função do porte da empresa.
 
FONTE: Jornalistas & Cia.
 
 
 
 
ROCK IN RIO HUMANORAMA CONFIRMA EDIÇÃO PARA 2022: FESTIVAL UNIU BRASIL E PORTUGAL EM MAIS DE 80 HORAS DE CONVERSAS SOBRE TEMAS RELEVANTES PARA A SOCIEDADE
 
O Rock in Rio Humanorama, festival de conversas para a construção de um mundo melhor e mais humano, encerrou a sua primeira edição com muito sucesso e já confirma sua realização em 2022. Durante quatro dias em setembro, foram mais de 250 dinamizadores, 80 horas de conteúdo, 70 conversas, 30 workshops e 20 atividades de entretenimento, que tiveram o objetivo de reunir vozes diversas e oferecer ao público trocas sobre temas relevantes para a sociedade. 
Foi possível observar pelas interações com a audiência, por meio dos chats e das redes sociais, que o evento cumpriu o seu papel fazendo com que as pessoas tivessem a oportunidade de refletir sobre as suas atitudes e quais mudanças poderiam fazer para a construção de um mundo melhor. Para aqueles que desejam rever as conversas do festival, o conteúdo ficará disponível gratuitamente na plataforma até dezembro de 2021.
O Rock in Rio Humanorama é fruto da colaboração entre Rock in Rio, a content creator A-Lab, a consultora de branded entertainment Fun e a agência de comunicação integrada Artplan, empresas do Grupo Dreamers - ecossistema de experiências. 
 
FONTE: Approach Comunicação
 
 
 
 
BRASILEIRO PODE PAGAR 14 VEZES A MAIS QUE SALÁRIO MÍNIMO EM NOVO IPHONE
 
Tá marcado na agenda e todo ano tem: o mês de setembro já está fidelizado há anos como a época de lançamentos da Apple. Levando em consideração que a cada ano um novo modelo de smartphone chega às vitrines com preços super altos, a plataforma de descontos online CUPONATION levantou quanto o novo aparelho custará nos bolsos dos brasileiros. 
Consagrada e desejada no mundo todo, a Apple anunciou na última semana a nova linha de modelos do iPhone 13. Sempre oferecendo diversas opções de sua paleta de cores, a marca surpreendeu com a divulgação dos 4 novos modelos este ano, sendo eles o iPhone 13 (R$ 7.599), o iPhone 13 Mini (R$ 6.599), o iPhone 13 Pro (R $9.499) e o iPhone 13 Pro Max (R$ 10.499).  Os valores são considerados “a partir de”, já que os preços dependem da capacidade de armazenamento - que iniciam em 128GB e chegam em 512GB, no caso dos três primeiros modelos. Para o iPhone 13 Pro Max, pela primeira vez o armazenamento alcança 1 TB, chegando a custar incríveis R$ 15.499.
Sabendo que os brasileiros adoram andar de iPhone, mesmo que sendo necessário fazer muitas parcelas, a plataforma de descontos comparou cada valor com o salário mínimo atual do país, que estacionou em R$ 1.100 em 2021, de acordo com o IBGE. Para comprar um iPhone 13, o brasileiro precisaria trabalhar por 7 meses inteiros, guardando o valor inteiro desse salário, na qual sobraria R$ 200 após ter o aparelho em mãos caso obtenha o modelo com menos armazenamento. Ou seja, o cidadão estaria comprando um objeto que custa R$ 581,73% a mais que seu salário. 
Calculando o preço do iPhone 13 Pro, o brasileiro estaria pagando por um celular que custa 763,55% mais caro que seu salário mensal. Indo ainda mais longe, para comprar um iPhone 13 Pro Max de 1 TB seria preciso desembolsar quase 1.309,00% a mais, em que o brasileiro passaria 1 ano, 2 meses e alguns dias pagando.
 
FONTE: Giovanna Rebelatto - gabrielle.guimaraes@comuniquese1.com.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp