23/06/2021 às 14h37min - Atualizada em 23/06/2021 às 14h37min

Hospital Santa Lúcia / Hospital do Coração vai inaugurar novos leitos coronários

FONTE E FOTO: Kelli F. Machado - HSL / Hospital do Coração
,
Ao todo serão 10 leitos completamente equipados para segurança do tratamento de pacientes cardiológicos
 
O Hospital Santa Lúcia / Hospital do Coração inaugura na próxima semana os novos leitos coronários para particulares e convênios. A Unidade Coronária é mais uma inovação no cuidado de pacientes cardiológicos que beneficiará Poços de Caldas e toda região. A Unidade hospitalar tem como objetivo o tratamento intensivo, com monitoramento 24 horas por dia, de pacientes com diagnósticos cardiológicos.
Ao todo serão 10 leitos completamente equipados para segurança do tratamento de pacientes cardiológicos. Os leitos são individuais, com monitorização cardíaca contínua, não-invasiva e invasiva, respiradores, marca-passos e todos os equipamentos necessários para melhorar a assistência e otimizar o resultado na recuperação do paciente.
A equipe é multiprofissional, formada por cardiologistas, cardiologistas intervencionistas, arritmologistas, ecocardiografistas, cirurgiões cardíacos, clínicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, fisioterapeutas, psicólogo, fonoaudiólogo, assistente social, farmacêutico e bioquímico.
 
Diariamente os pacientes são avaliados por médicos plantonistas, diarista e coordenador cardiologista, sendo submetidos a todas as avaliações - inclusive de outras especialidades - e realizando exames necessários para um tratamento personalizado, conforme cada caso e evolução.
“Esperamos que com mais essa inovação consigamos manter nossa trajetória de atendimento de qualidade e humanizado, com redução cada vez mais robusta da mortalidade em urgências e emergências cardiológicas”, disse o Dr. Frederico Toledo Campo Dall`Orto, Coordenador da Unidade Coronária.
 
Segundo ele, as principais patologias tratadas nessa unidade são:
- Síndrome coronária aguda (como o infarto agudo do miocárdio e a angina);
- Síndromes aórticas agudas;
- Tromboembolismo pulmonar;
- Insuficiência cardíaca descompensada;
- Arritmias cardíacas instáveis.
 
 


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp