20/05/2021 às 16h39min - Atualizada em 20/05/2021 às 16h39min

Itália reabre para viajantes de lazer que embarcam nos voos da Delta com testagem para Covid-19

FONTE E FOTO: Delta Airlines
Desde 16 de maio, as frequências sem quarentena para Roma e Milão estão abertas aos clientes com resultado negativo em testes para o novo coronavírus
 
Os voos da Delta Air Lines entre os Estados Unidos e a Itália com passageiros testados para Covid-19 foram abertos a todos os clientes em 16 de maio, após o governo italiano suspender as restrições de entrada, permitindo que norte-americanos que viajam a lazer visitem o país pela primeira vez em mais de um ano.
“A Delta foi a primeira companhia aérea dos Estados Unidos a lançar um serviço sem quarentena para a Itália, e nossas rotas com pessoas testadas para a Covid-19 provaram ser um meio viável para reiniciar as viagens internacionais com segurança”, disse o vice-presidente executivo e presidente Internacional da Delta, Alain Bellemare. “É encorajador que o governo italiano tenha dado esse passo para reabrir o país aos viajantes de lazer norte-americanos que embarcam em nossos voos com protocolos dedicados, apoiando ainda mais a recuperação econômica da pandemia global”.
 
Para embarcar nos voos da Delta dos Estados Unidos à Itália, todos os clientes devem obrigatoriamente fazer o exame para Covid-19, antes da partida e na chegada, independentemente de seu status de vacinação. Depois de receber um resultado negativo, essas pessoas não precisarão fazer quarentena no país europeu e podem prosseguir com suas viagens.
 
A Itália é o quarto destino na Europa que a Delta disponibilizará aos viajantes de lazer na temporada de verão do Hemisfério Norte, depois da Islândia e da Grécia (a partir de 28 de maio), onde se pode chegar de vários aeroportos norte-americanos. A companhia também está oferecendo pela primeira vez o serviço entre Dubrovnik, na Croácia, e Nova York-JFK, que começam em 02 de julho.
 
Obs: As datas de início dos voos estão sujeitas a alteração em virtude da demanda e das restrições de viagens em evolução

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp