10/05/2021 às 15h46min - Atualizada em 10/05/2021 às 15h46min

Trabalho do Centro de Desenvolvimento do Esporte Paralímpico é apresentado na Câmara

FONTE E FOTO: Assessoria de Imprensa da Câmara de Poços

A convite do presidente da Câmara de Poços, vereador Marcelo Heitor (PSC), o presidente do CIDEP (Centro Integrado de Desenvolvimento do Esporte Paralímpico), Eraldo Sandi dos Santos, participou da reunião ordinária da Câmara, no dia 04 de maio, para apresentar o trabalho realizado pela entidade. O professor falou dos atividades, metas e conquistas do grupo.
Superar Limites, Desafiando Limites. Garimpando Atletas Paralímpicos e Tô no Jogo são projetos desenvolvidos pelo CIDEP. O Superar limites, pioneiro em Poços de Caldas e sul de Minas, teve início em 2005, desenvolvendo uma proposta de inclusão através do esporte para pessoas com deficiência visual. A proposta é atender pessoas com deficiência visual (total ou parcial) da Associação de Assistência aos Deficientes Visuais de Poços de Caldas (AADV-PC), desde crianças, adolescentes, adultos e idosos com idades entre 7 a 80 anos.
Eraldo ressaltou toda a trajetória do esporte paralímpico em Poços, enfatizando que os projetos iniciados a partir de 2005 contribuíram para o aumento da demanda e para a necessidade se criar uma estrutura maior de atendimento. Assim surgiu o CIDEP, em meados de 2019. “Com essa crescente demanda, houve uma necessidade de se criar um centro no qual os atendidos, alunos/atletas, pudessem ter mais estrutura e as ações pudessem contemplar o esporte de alto rendimento, de forma que os atletas tivessem acesso a incentivos estaduais e federais, como por exemplo o bolsa atleta. Para sanar essa lacuna que impedia o esporte paralímpico de ir além e conquistar ainda mais destaque, nasceu o CIDEP, que tem como objetivo cada vez mais oportunizar a prática do esporte à pessoa com deficiência”, afirmou.
 
Segundo o professor, o Centro Integrado dá continuidade, de forma gradativa, aos projetos criados há muitos anos, agora com suporte maior para desenvolver todas as suas propostas de trabalho de base, formação de atletas e implantação de ferramentas de inclusão social para a pessoa com deficiência. “Isso permite levar cada vez mais o nome de Poços de Caldas para Minas e o Brasil, fazendo com que a cidade seja referência nacional nas atividades paradesportivas e de inclusão. Contamos sempre com o apoio do Legislativo para fazer valer e garantir o direito e acesso à prática esportiva direcionada e com qualidade”, declarou Eraldo.
Uma das conquistas do grupo foi a aprovação, pela Câmara, da lei municipal que declara o CIDEP como de utilidade pública, no ano de 2020. A entidade recebeu, também, o título de utilidade pública estadual e conseguiu, ainda, inscrição no Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência e Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, além de filiação a órgãos municipais, como Comitê Paralímpico Brasileiro, Confederação Brasileira de Desportos de Deficientes Visuais e Olimpíadas Especiais Brasil.
 
O presidente do Poder Legislativo, vereador Marcelo Heitor, falou do importante trabalho do professor Eraldo e sua equipe, destacando o apoio da Casa nas ações. “É um trabalho que vem de muitos anos, agora com o CIDEP, e tem descoberto grandes talentos. São pessoas que se redescobriram no esporte e esses projetos são essenciais em todo o processo. O convite feito à entidade permitiu que a Câmara pudesse reforçar o apoio, no que compete à Casa, e também que os novos vereadores conhecessem o trabalho”, disse.
 
O vídeo da sessão, com a apresentação completa do professor Eraldo Sandi dos Santos, está disponível para consulta na página da Câmara no YouTube.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Precisa de ajuda?
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp